CPII implementa regime semipresencial de ensino a partir do dia 14/2

 

A partir desta segunda-feira, 14/2, o Colégio Pedro II passa a adotar regime semipresencial de ensino com alternância semanal de 50% dos estudantes de cada turma em atividades presenciais - Plano B da Portaria nº 2.389/2021. A medida foi aprovada em reunião extraordinária do Conselho Superior (Consup), no dia 11 de fevereiro, e regulamentada pela Portaria nº 225/2022.

 

O Plano Contingencial B da Portaria nº 2.389/2021 prevê que “em um cenário em que o retorno pleno não seja possível, será instituído regime de semipresencialidade, com: I - divisão em 50% dos estudantes da turma, em grupos A e B, com presença semanal, de cada um dos grupos no turno do estudante; e II - espelhamento da carga horária síncrona para o presencial” e que, “na alternância, os estudantes que não estiverem na semana presencial terão atividades assíncronas das disciplinas”.

 

O planejamento deve levar em consideração a vigência da Instrução Normativa nº 90, do Ministério da Economia, e conter soluções para lidar com os 319 afastamentos de servidores que legalmente permanecerem em trabalho remoto, dadas as suas comorbidades autodeclaradas, e que configuram 14,5% do total de servidores da instituição.

 

Estudantes e responsáveis devem ficar atentos ao blog e demais canais de comunicação de seu campus para maiores orientações sobre o planejamento pedagógico.

 

Debates internos sobre a Portaria nº 2.389/2021

Durante a reunião, o Consup também indicou que ao longo da semana de 14 a 18 de fevereiro sejam reabertos os debates sobre a Portaria nº 2.389/2021 nos demais fóruns e instâncias do CPII (Resolução nº 197). As discussões em torno da portaria devem ser remetidas ao Consup para serem debatidas na próxima reunião do dia 18 de fevereiro.

 

A Portaria nº 2.389/2021 é o documento interno que regulamenta o retorno às atividades presenciais no CPII. Além de normativas que devem ser observadas quando do retorno presencial, a portaria estabelece planos contingenciais para cenários de recrudescimento da pandemia de acordo com a indicação do Mapa de Risco de Covid-19 do Estado do Rio de Janeiro. São eles:

 

Retorno Pleno (Plano A): retorno pleno com possibilidade de presencialidade para 100% dos estudantes, quando a bandeira verde perdurar por 15 dias ininterruptos.

 

Semipresencial (Plano B): divisão em 50% dos estudantes da turma, em grupos A e B, com presença semanal, de cada um dos grupos no turno do estudante; e espelhamento da carga horária síncrona para o presencial. Este plano é acionado quando o mapa apresentar a bandeira amarela/laranja por uma semana.

 

Totalmente Remoto (Plano C): Adoção de ensino remoto em caso de entrada na bandeira vermelha. Neste cenário, as atividades presenciais na escola são suspensas imediatamente.

 

 

 

Assessoria de Comunicação Social

 

Acessos Hoje:9948  Total Acessos:35914681