O CURRÍCULO DA EDUCAÇÃO FÍSICA E O MULTICULTURALISMO: UM CAMINHO POSSÍVEL?

Ivone Ouverney Santos de Azevedo, Renata Osborne

Resumo


O presente estudo aborda o multiculturalismo no currículo da Educação Física do Colégio Pedro II, campus São Cristóvão I. Foi realizada uma pesquisa qualitativa, um estudo de caso.  O objetivo foi analisar o conhecimento e propostas de trabalho dos professores de Educação Física sobre o multiculturalismo, partindo do tema transversal: pluralidade cultural. Constatamos que os professores não tinham um conhecimento do multiculturalismo de forma acadêmica e sim intuitiva, mesmo assim, percebemos que havia uma aproximação tênue entre o multiculturalismo liberal de esquerda e o crítico de resistência, conceituados por McLaren (1995). Os professores buscavam dar voz aos alunos, buscavam ampliar o leque de conhecimento valorizando e respeitando os conhecimentos culturais trazidos por eles.

Palavras-chave


Pluralidade cultural; Multiculturalismo; Currículo.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES-MAZZOTTI, Alda J. Capítulo 7. O planejamento de pesquisas qualitativas. In: ALVES-MAZZOTTI, Alda J. GEWANDSNAJDER, Fernando (orgs). O método nas Ciências Naturais e Sociais. 2 ed. São Paulo: Thompson, 2002, p.147-178.

BASTOS, Denis M. Jogos transversais: uma proposta de abordagem dos temas transversais nas aulas de educação física. Buenos Aires, Revista digital, ano 14, mar. de 2010. Disponível em: . Acesso em: 16 out. 2012.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: introdução. Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília: MEC/SEF, 1997c, V.8.

______. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Pluralidade cultural e orientação sexual. Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília: MEC/SEF, 1997e, V 10.

_______. Presidência da casa civil. Lei 11.645. Disponível em 2008. Acessado em: 11 de out. de 2013.

CANDAU, Vera M. F. Sociedade, Cotidiano escolar e cultura(s): uma aproximação. Educação & Sociedade, ano 23, n. 79, p. 125 – 161, ago., 2002.

CANDAU, Vera M. Multiculturalismo e educação: desafios para a prática pedagógica. In: MOREIRA, Antonio F.; Candau, Vera M. Multiculturalismo: diferenças culturais e práticas pedagógicas. 7 ed. Petrópolis: Vozes, 2011.

CUNHA JUNIOR, Carlos F. F. da; NOZAKI, Hajime T.; NASCIMENTO, Marcos A. do. A ‘Escola Faria Júnior’ de educação física: memórias de aprendizes. IN: LEBRE, Eunice; BENTO, Jorge. Professor de educação física: ofícios da profissão. Porto: FCDEF UP, 2004, p.17 – 26.

DAOLIO, Jocimar (coord.). DAOLIO, Jocimar (coord.). Educação Física escolar: olhares a partir da cultura. Campinas: Autores Associados, 2010.

DAOLIO, Jocimar. A educação física escolar como prática cultural: tensões e riscos. In: DAOLIO, Jocimar (coord.). Educação Física escolar: olhares a partir da cultura. Campinas: Autores Associados, 2010.

DARIDO, Suraya C. Educação Física e Temas Transversais na Escola. Campinas: Papirus. 2012.

DÍAZ, Carlos F. The next millenium: a multicultural imperative for education. In: Díaz, Carlos F. (ed.) Multicultural education for the 21st century. Washington, SRS/NEA, 1992, p. 12 – 22.

DINIZ, Irlla K. dos S.; MILANI, Amanda G.; FERREIRA, Aline F. Pluralidade Cultural. In: DARIDO, Suraya Cristina (org.). Educação Física e Temas Transversais na Escola. Campinas: Papirus, 2012, p. 73 – 120.

FLICK, Uwe. Uma introdução à pesquisa qualitativa. 2 ed. Porto Alegre: Bookman, 2004.

FORQUIN, Jean-Claude. Escola e cultura: as bases sociais e epistemológicas do conhecimento escolar. Porto Alegre: Artes Médicas, 1993.

GASKELL, George. Entrevistas individuais e grupais. In: MARTIN W. Bauer. Gaskell (orgs). Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2002. p. 64-89.

GAY, Geneva. Effective teaching practices for multicultural classrooms. In: DÍAZ, Carlos (ed.). Multicultural education for the 21st century. Washington, SRS/NEA, 1992, p. 38 – 56.

GIL, Antonio C. Estudo de caso. São Paulo: Atlas, 2009.

GOMES, Romeu. A análise de dados em pesquisa qualitativa. In: MINAYO, Maria C. de S. (org.) Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 21 ed. Petrópolis: Vozes, 2002, p. 67 – 80.

JONES, Franklin P. Pesquisa qualitativa. In: THOMAS, Jerry R.; NELSON, Jack K.; SILVERMAN, Stephen J. Métodos de Pesquisa em Atividade Física. 6 ed. Porto Alegre: Artmed, 2012, p.373 – 390.

MCLAREN, Peter. White terror and oppositional agency: towards a critical multiculturalism. In: SLEETER, Christina E.; McLaren, Peter. Multicultural Education, critical pedagogy and the politics of difference. Albany: SUNY, 1995.

MERRIAM, Sharan B. Qualitative research and case study applications in education. San Francisco: Jossey-Bass Publishers, 1992.

MESQUITA, Isabel; ROSADO, António. O desafio da interculturalidade no espaço da educação física. In. LEBRE, Eunice; BENTO, Jorge. Professor de educação física: ofícios da profissão. Porto: FCDEF UP, 2004, p.133 – 148.

MINAYO, Maria C. de S. (org.). Pesquisa Social: teoria, método e criatividade. 3ed. Petrópolis: Vozes, 2012.

NEIRA, Marcos G. A educação Física em contextos multiculturais: concepções docentes acerca da própria prática pedagógica. Currículo sem Fronteiras. (sem cidade) v.8 n. 2, Jul/Dez. 2008, p.39 – 54.

NEIRA, Marcos G. Ensino da educação física. São Paulo: Cengage Learning, 2010.

NEIRA, Marcos G.; NUNES, Mário L. F. Contribuições dos estudos culturais para o currículo da educação física. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v.33, n.3, p.671-685, jul/set. 2011. Disponível em: Acesso em 24 nov.2012.

NEIRA, Marcos G.; NUNES, Mário L. F. Educação física, currículo e cultura. São Paulo: Phorte, 2009.

NEGRINE, Airton. Instrumento de coleta de informações na pesquisa qualitativa. In: NETO, Vicente M.; TRIVIÑOS, Augusto N. S. (orgs.) A pesquisa qualitativa na educação física: alternativas metodológicas. Porto Alegre: Sulina, 1999.

SAMUDA, Ronald J.; LEWIS, John. Evaluation practices for the multicultural classroom. In: DÍAZ, Carlos F. Multicultural education for the 21st century. Washington, SRS/NEA, 1992, p.97 – 111.

SCHILLING, Jan. On the Pragamatics of Qualitative Assessment. Designing the Process of Content Analysis. European Journal of Psychological Assessment, Vol.22(1), p. 28-37, 2006.

SILVA, Tomaz T. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. 3 ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2011.

SIMÕES, Márcia; BARCELOS, Roberta (orgs). Manual para elaboração de trabalhos acadêmicos. Universidade Salgado de Oliveira. Niterói: UNIVERSO, 2006.

SOUZA, Márcia M. De. Qualificação de professores do Ensino Básico para educação sexual por meio da pesquisa-ação. Ciências e Cuidados com a Saúde. São Paulo, v. 9, n.1, p. 91 – 98, jan/mar., 2010.

SWISHER, Karen. Learning styles: implications for teachers. In: DÍAZ, Carlos F. (ed.). Multicultural education for the 21st century. Washington, SRS/NEA, 1992, p. 72 - 84

VELOZO, Emerson L. A educação física como prática cultural nos faz reconhecer e considerar sua tradição criada ao longo de décadas. In: DAOLIO, Jocimar (coord.). Educação Física escolar: olhares a partir da cultura. Campinas: Autores Associados, 2010.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 3 ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/tefe.v1i1.638

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-5916

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.