DESPORTO DA FLORESTA: POR UMA ORIENTAÇÃO GEOPOÉTICA NAS UNIDADES DE CONSERVAÇÃO

CAMILA REIS TOMAZ, Danilo Rocha Cerqueira, Luiza Corral de Oliveira Martins Ponciano

Resumo


Este trabalho se debruça sobre as corridas do Esporte de Orientação, que aconteceriam em Unidades de Conservação na Cidade do Rio de Janeiro em 2020, sediando os Jogos Pan Americanos Masters. Neste relato, após a vivência desportiva em um evento-teste, buscou-se investigar possíveis legados afetivos e culturais, além do cruzo de disciplinas escolares. Destacaram-se ações pontuais de sensibilização com o meio pela organização e ausência de fiscais em áreas de alta relevância biocultural. A participação de curiosos nas atividades abertas do evento notabiliza o potencial do megaevento, adiado pela atual pandemia, na divulgação da modalidade e seu cunho pedagógico interdisciplinar.

Palavras-chave


Orientação; Geopoética; Unidades de Conservação; Interdisciplinaridade; Pedagogia das Encruzilhadas; Turismo Científico-Pedagógico

Texto completo:

PDF

Referências


ALEXANDRE DE PAULA, Sodré.; PIRES TRINDADE, Tarso.; CLEBER THEODORO DE ANDRADE, João. A Interdisciplinaridade do esporte de orientação. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 3, n. 3, 3 fev. 2013. Disponível em https://periodicos.unipampa.edu.br/index.php/SIEPE/article/view/62935. Acesso em 20/12/2020.

AMORIM, Livia Dos Reis. Corrida de orientação: uma proposta metodológica transdisciplinar da escola classe córrego do meio. Anais V CONEDU... Campina Grande: Realize Editora, 2018. Disponível em: . Acesso em 20/12/2020.

ANDRADE, Rafael Ferreira de. As condutas pró-ambientais no Brasil: uma abordagem sistemática das atividades de aventura no incitar do sujeito ecológico. 2016. Disponível em . Acesso em 03/12/2020.

BRASIL, Lei Nº 9.795 de 27 de Abril de 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Publicada no Diário Oficial da União em 28 de Abril de 1999.

BRASIL, Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC), Lei Nº 9.985 de 18 de Julho de 2000. Regulamenta o art. 225, § 1o, incisos I, II, III e VII da Constituição Federal, institui o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza e dá outras providências. Publicado no Diário Oficial da União em 19 de Julho de 2000.

BENTO, Jorge Olímpio. Desporto: discurso e substância. Belo Horizonte: Casa da Ed. Física. 2013. 300p.

CARVALHO, Isabel Cristina de Moura. Educação Ambiental: a formação do sujeito ecológico. 6ª Edição. São Paulo. Cortez. 2012. 255p.

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE ORIENTAÇÃO (CBO), Regras de Orientação Pedestre. Guará, Distrito Federal. 2020. Disponível em https://www.cbo.org.br/regras. Acesso em 05/12/2020.

DA SILVEIRA ALVES, Carlos Luciano et al. ESTUDO DA PSICOLOGIA NA EDUCAÇÃO FÍSICA: RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE INTRODUÇÃO DO ESPORTE ORIENTAÇÃO. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 7, n. 1, 2016. Disponível em . Acesso 05/12/2020.

FREIRE, Paulo. Educação e Mudança. Paz e Terra. São Paulo, 1985. 9a Edição. p.28-29. 79p.

MELO, Victor Andrade de; BRÊTAS, Angela; MONTEIRO, Mônica Borges. Fundamentos do lazer e da animação cultural. In: OLIVEIRA, Amauri Aparecido Bássoli de; PERIM, Gianna Lepre. Fundamentos Pedagógicos do Programa Segundo Tempo: da reflexão à prática. Maringá: Eduem, 2009. p.45-72

PEREIRA, Flávio M. Dialética da Cultura Física. Ícone. São Paulo, 1988. 299p.

PEREIRA, Alvim José et al. Dia Mundial da Orientação/World Orienteering Day – Oficina de Divulgação do Esporte de Orientação na UFG/Regional Catalão., p. 1-388–416. 2018. Disponível em < https://www.atenaeditora.com.br/post-artigo/16984>. Acesso em 20/12/2020.

RODRIGUES, Cae; GONÇALVES JUNIOR, Luiz. Ecomotricidade: sinergia entre educação ambiental, motricidade humana e pedagogia dialógica. Motriz rev. educ. fís.(Impr.), p. 987-995, 2009. Disponível em < https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/lil-550057>. Acesso em 20/12/2020.

SCHERMA, Elka Paccelli; FERREIRA, Enéas Rente; FUNDAMENTAL, Ensino. Esporte de Orientação: uma contribuição para o ensino da cartografia. Anais da Sessão de Comunicações – Temas Livres. XII Semana de Geografia e História: Migração e Produção do Espaço Geográfico como Processo Histórico e Cultura. Centro Universitário Barão de Mauá. 26 a 28 de maio de 2008. Ribeirão Preto (SP) v. 1, n. 1, 2008. ISSN 1234-1234. Disponível em . Acesso em 05/12/2020.

SILVA, Marco Antonio Ferreira da. Esporte orientação: conceituação, resumo histórico e proposta pedagógica interdisciplinar para o currículo escolar. 2011. Disponível em . Acesso em 05/12/2020.

SIMAS, Luiz Antonio. O corpo encantado das ruas. 4ª ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2020.175p.

SOARES, Carmem Lúcia (Org). Uma educação pela natureza: a vida ao ar livre, o corpo e a ordem urbana. (Coleção educação física e esportes) Campinas, SP: Autores Associados, 2016. 279p.

TAHARA, Alexander Klein; CARNICELLI FILHO, Sandro. A presença das atividades de aventura nas aulas de Educação Física. Arquivos de ciências do esporte, v. 1, n. 1, 2013. Disponível em < http://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/aces/article/view/245>. Acesso em 05/12/2020.

WHITE, Kenneth. O grande campo da geopética. [S. l.], [19-?]. Disponível em . Acesso em 05/12/2020.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/tefe.v6i2.3090

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-5916

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.