A CONSTITUIÇÃO DA PRÁTICA AVALIATIVA:um estudo a partir dos documentos de estágio supervisionado em educação física

Joyce Ramos Costa, Ronaldo Luiz de Alcântara, Marciel Barcelos Lano

Resumo


Este trabalho objetivou analisar e discutir quais práticas avaliativas foram mobilizadas nos estágios supervisionados do curso de Educação Física da Universidade Federal do Tocantins (UFT)/Miracema. A pesquisa foi orientada por uma abordagem quali-quantitativa do tipo documental, assumindo como fontes Relatórios de Estágio Supervisionado do Ensino Fundamental anos iniciais e finais e Ensino Médio, produzidos de 2018 a 2019 por 6 alunos concluintes. Nossas fontes evidenciaram a existência de dois tipos de relatórios de estágio, a prevalência de métodos avaliativos na perspectiva da medida, privilegiando o desempenho esportivo e/ou valores em detrimento das aprendizagens, também identificamos a produção de métodos avaliativos que pouco contribuem para o entendimento dos aprendizados dos alunos do contexto escolar sobre objetos de ensino da Educação Física. 

Palavras-chave


Avaliação para aprendizagem; Educação Física; Formação inicial

Texto completo:

PDF

Referências


¬¬¬¬¬¬BARROS, I.; PACHECO, A.R.; e BATISTA, P.; A experiência de estágio: o impacto e as primeiras vivências do estudante estagiário de Educação Física. Rev. bras. Estud. pedagog., Brasília, v. 99, n. 253, p. 605-632, set./dez. 2018. Disponível em: https://doi.org/10.24109/2176-6681.rbep.99i253.3774. Acesso em: 14 out 2020.

CERTEAU, M. A invenção do cotidiano: 1. artes de fazer. 8. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 1994.

CHARLOT, B. Da relação com o saber: elementos para uma teoria. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

FROSSARD, M. Memórias da formação inicial e projeções para atuação docente: diálogos sobre avaliação com acadêmicos de educação física. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação Física e Desportos. Ufes. 2015.

LANO, M. B. Usos da avaliação indiciária na educação física com a educação infantil. Tese (Doutorado em Educação Física) – Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação Física e Desportos. Ufes. 2019.

MELO, L. F.; FERRAZ, O. L.; NISTA-PICCOLO, V. L. O portfólio como possibilidade de avaliação na educação física escolar. Revista da Educação Física/ UEM, Maringá, v. 21, n. 1, p. 87-97, 2010. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/277210040_O_portfolio_como_possibilidade_de_avaliacao_na_educacao_fisica_escolar_-_doi_104025reveducfisv21i17090 . Acesso em: 29 out 2020.

MICHEL, M. H. Metodologia e Pesquisa Científica em Ciências Sociais; 2ª. ed., São Paulo: Atlas, 2009.

PEREIRA, S.; et al. Trajetória de estudantes na formação inicial em educação física: o estágio curricular supervisionado em foco. J. Phys. Educ. V. 29, p, 1-12, jan., 2018. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2448-24552018000100168. Acesso em: 22 set 2020.

POLTRONIERI, H.; CALDERÓN, A. Avaliação da aprendizagem na educação superior: a produção científica da revista Estudos em Avaliação Educacional em questão, Avaliação, Campinas, v. 20, n. 2, p. 467-487, jul. 2015. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/aval/v20n2/1414-4077-aval-20-02-00467.pdf. Acesso em: 14 out 2020.

POZZATTI, M. Formação inicial de professores de Educação Física na modalidade à distância: aprendendo com a experiência do Cefd/Ufes. Tese (Doutorado em Educação Física) – Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação Física e Desportos. Ufes. 2018.

SANTOS, W.; Avaliação na educação física escolar: do mergulho à intervenção. Vitória: Proteoria, 2005.

SANTOS, W.; et al., avaliação em educação física escolar: trajetória da produção acadêmica em periódicos (1932-2014). Revista Movimento, v. 24, p. 09-22, 2018. https://seer.ufrgs.br/Movimento/article/view/63067, Acesso em: 30 set 2020.

SANTOS, W. et al. Avaliação na educação física escolar: analisando as experiências das crianças em três anos de escolarização. Movimento, v. 25, p. 1-17, 2019.https://seer.ufrgs.br/Movimento/article/view/76974. Acesso em: 10 out 2020.

STIEG, R. Formação Inicial em Educação Física nas Universidades Federais brasileiras: fundamentos teóricos das disciplinas de avaliação e práticas de leitura. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação Física e Desportos. Ufes. 2016.

VENTORIM, S. A formação do professor pesquisador na produção científica dos encontros nacionais de didática e prática de ensino: 1994-2000. 2005. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte /MG, 2005.

VIEIRA, A. O. Por uma teorização da avaliação em Educação Física: práticas de leitura por narrativas imagéticas. Tese (Doutorado em Educação Física) – Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação Física e Desportos. Ufes. 2018.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/tefe.v5i2.3040

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-5916

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.