RELAÇÕES DE DISTANCIAMENTO COM AS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO MÉDIO: perspectivas dos alunos

Mario Celso Corrêa Júnior, Lilian Aparecida Ferreira

Resumo


O objetivo deste artigo foi realizar um diagnóstico inicial correspondente aos motivos que fomentam as relações de distanciamento estabelecidas pelos alunos com as aulas de Educação Física no Ensino Médio. O estudo de natureza qualitativa e do tipo exploratório teve os dados coletados através de aplicação de questionário. Participaram da investigação 20 alunos de uma turma de Ensino Médio de uma escola da rede pública de ensino do estado de São Paulo. Os resultados demonstraram que mais da metade dos alunos se encontravam numa situação de distanciamento dos saberes das aulas de Educação Física. Os principais motivos elencados pelos discentes foram não gostar de esportes e nem de atividades físicas. 


Palavras-chave


Educação Física; Ensino Médio; Relações; Distanciamento

Texto completo:

PDF

Referências


BRANDOLIN, Fabio; KOSLINSKI, Mariane Campelo; SOARES, Antônio Jorge Gonçalves. A percepção dos alunos sobre a educação física no ensino médio. Revista de Educação Física UEM, v. 26, n. 4, p. 601-610, 4º trim., 2015.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. (LEI nº 9.393/96). Brasília, 1996.

CAETANO, Angélica; JANUÁRIO, Carlos. Motivação, teoria das metas discentes e competência percebida. Pensar a Prática, v. 12, n. 2, 26 ago. 2009.

CHARLOT, Bernard. Relação com o saber e com a escola entre estudantes de periferia. Caderno de Pesquisa Fundação Carlos Chagas, n.97, 47-63, 1996. Disponível em: http://www.revistacontemporanea.fe.ufrj.br/index.php/contemporanea/article/vi ew/170/148>.Acesso em: 10 mai. 2020.

CHARLOT, Bernard. Da relação com o saber: elementos para uma teoria. Porto Alegre: Artmed, 2000.

CHARLOT, Bernard. (Org). Os jovens e o saber: perspectivas mundiais. Porto Alegre: Artmed, 2001.

CHARLOT, Bernard. A mobilização no exercício da profissão docente. Revista Contemporânea de Educação. v.7, n.13, p.9-25, 2012. Disponível em:

ew/170/148>. Acesso em: 17 nov. 2020.

CHARLOT, Bernard. Da relação com o saber às práticas educativas. São Paulo: Cortez, 2014.

CHICATI, Karen Cristina. Motivação nas aulas de educação física no ensino médio. Revista da educação física, v. 11, n. 1, p. 97-105. 2000.

CHIZZOTTI, Antonio. Pesquisa em ciências humanas e sociais. São Paulo: Cortez,1998.

DARIDO, Suraya Cristina. A educação física na escola e o processo de formação dos não praticantes de atividade física. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, v. 18, n. 1, p. 61-80, jan./mar., 2004.

FABRI, Eliane Isabel; ROSSI, Fernanda; FERREIRA, Lilian Aparecida. Episódios marcantes das aulas de Educação Física: valorizando as experiências dos alunos por meio de narrativas. Movimento, Revista da Escola de Educação Física da UFRGS, Porto Alegre, v. 22, n. 2, p. 583-596, abr./jun., 2016.

FERREIRA, Lílian Aparecida et al. Desafios didáticos no ensino do esporte na/da escola. In: MARQUES, Antônio Francisco et al. Cadernos de docência na educação básica V: O ensino na educação básica - desafios didáticos. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2016, p.139-148.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GOMES, Romeu Análise e interpretação de dados de pesquisa qualitativa. In: MINAYO, Maria C. S. (Org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 28. ed. Petrópolis: Vozes, 2009.

KRAWCZYK, Nora et al. O ensino médio no Brasil. 2009. Disponível em: http://www.bibliotecadigital.abong.org.br/bitstream/handle/11465/1140/1763.pdf?sequence=1. Acesso em: 20 fev. 2020.

MOREIRA, Daniel Augusto. O método fenomenológico na pesquisa. São Paulo: Pioneira Thomson, 2002.

PEREIRA, Raquel Stoilov; MOREIRA, Evando Carlos. A participação dos alunos do Ensino Médio em aulas de Educação Física: algumas considerações. Revista da Educação Física/UEM, v.16, n.2, p. 121-127, 2º bim. 2005.

REVERDITO, Riller Silva; SCAGLIA, Alcides José; PAES, Roberto Rodrigues. Pedagogia do esporte: panorama e análise conceitual das principais abordagens. Motriz, Rio Claro, v. 15, n. 3, p. 600-610, 2009. Disponível em: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/download/2478/2477. Acesso em: 08 nov 2020.

SANTOS, Verônica Freitas dos et al. Educação física e o processo de escolarização: uma análise sob a perspectiva do aluno. Revista da Educação Física/UEM, Maringá, v. 25, n. 4, p. 539-553, dez. 2014.

TOZONI-REIS, Marília Freitas de Campos. Metodologia de Pesquisa Científica. 2. ed. Curitiba: IESDE Brasil S.A, 2007.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/tefe.v5i2.3036

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-5916

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.