NOS TRILHOS CULTURAIS DE UMA CIDADE MESTIÇA: uma aventura férrea nas paisagens da cidade do Rio de Janeiro.

Márcia Cristina Pinto

Resumo


Este estudo empreende uma revisão histórica sobre a presença da linha férrea na cidade do Rio de Janeiro como objeto material e simbólico de integração da vida urbana em suas dinâmicas espacial e temporal. Ela permitiu a visitação e a interação de espaços separados, lisos e estriados, dentro de um processo cultural de longa duração de trocas, mediações e conflitos que modificou a paisagem urbana e, especificamente, elaborou novos matizes das relações sociais, construindo e articulando subjetividades, assim como produzindo a alteridade. Este processo resultou na formação e caracterização do Rio de Janeiro como uma cidade mestiça.

 


Palavras-chave


cultura; linha férrea; tempo; espaço liso e estriado; cidade mestiça.

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, Mauricio de Almeida. Evolução urbana do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: IPLANRIO, Jorge Zahar, 1987.

BANDEIRA, Marcia Pinto. O Turismo como elemento de comunicação intercultural: a inserção da cidade do Rio de Janeiro no universo multicultural. UFRJ, 2005.

BAUMAN, Zygmunt. O mal estar da pós-modernidade. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1998.

_________. Globalização. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1999.

CAIAFA, Janice. Uma cidade, uma cena e alguns suvenires. In: Subjetividade: questões contemporâneas. São Paulo: Hucitec, 1997.

CANEVACCI, Massimo. A Cidade polifônica. São Paulo: Nobel; 1993.

DELEUZE, Gilles & GUATTARI, Félix. O Liso e o Estriado. Mil Platôs. Rio de Janeiro: Editora 34, 1997, vol. 5.

GIDDENS, Anthony. Consecuencias de la medernnidad. Madri: Alianza, 1993.

HOSLTON. James. A cidade modernista - uma crítica de Brasília e sua utopia. São Paulo: Cia das Letras, 1993.

GUARESHI, Pedrinho. Textos em Representações Sociais. Petrópolis: Vozes, 1995.

GUATTARI, Félix e ROLNIK, Suely. Micropolítica: cartografias do desejo. Petrópolis: Vozes, 1986.

LE GOFF, Jacques. Por um novo conceito de Idade Média. Lisboa: Estampa, 1980.

LIMA, Barreto. Clara dos Anjos. Rio de Janeiro: México, 1949.

LYNCH, Kevin. A imagem da cidade. São Paulo: Martins Fontes, 1997.

MARTIN-BARBERO, J. Dos meios às Mediações. Comunicação, cultura e hegemonia. 2 ed. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ, 2001.

MUNFORD, Lewis. A cidade na história – suas origens, transformações e perspectivas. 3 ed. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

ROSSI, Aldo. Arquitectura da Cidade. Lisboa: Cosmos, 1977.

SARLO, Beatriz. Cenas da vida pós-moderna. Rio de Janeiro: Ed. UFRJ, 1997.

VIRILIO, Paul. Velocidade e Política. São Paulo: Estação Liberdade, 1996.

WIRTH, Louis. Urbanismo como modo de vida social (1938). Apud VELHO, Gilberto (org.). Fenômeno urbano. Rio de Janeiro: Zahar, 1999.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.