A literatura como resistência no Projeto Clube de Leitura: o processo de construção e o andamento de um projeto interdisciplinar do Núcleo de Pesquisa e Arte da Tijuca

Amanda Mesquita

Resumo


O trabalho com a literatura na escola apresenta diversas faces e possibilidades, principalmente quando se trata do ensino de línguas. Tendo em vista o desafio da formação de leitores e o reconhecimento da necessidade de implementação de projetos interdisciplinares, quatro professoras, de língua portuguesa e estrangeira (espanhol, francês e inglês), reuniram-se para delinear um projeto de Clube de Leitura para o Campus Tijuca II. O Clube de Leitura foi criado em afiliação à linha de pesquisa “Literatura e outras culturas”, do Núcleo de Pesquisa e Arte da Tijuca (NUPART), e tem como público-alvo a comunidade escolar. O objetivo principal do projeto é estimular o hábito da leitura a partir de uma proposta diversificada quanto a autores e temáticas, desenvolvida em ambiente lúdico e informal. Além disso, também se pretende endossar um objetivo geral do próprio NUPART: estimular que os alunos do Campus Tijuca II desenvolvam uma cultura de projetos. Como metodologia, adotou-se um trabalho com contos e gêneros discursivos de curta extensão. A realização dos encontros se dá a cada vinte dias, às sextas-feiras, no horário do almoço. Nesses encontros, os participantes recebem uma seleção de textos previamente selecionados pelas professoras mediadoras do projeto de acordo com determinada temática. Os participantes do clube recebem um envelope com os textos em cada encontro para que possam discutir suas impressões sobre eles no encontro subsequente. No segundo semestre de 2017, foram realizados quatro encontros do Clube de Leitura.

Texto completo:

PDF

Referências


BARBEIRO, Luís Filipe & GAMBOA, Maria José. Clube de leitura: potencialidades e desafios para a construção de leitores. In: Conferência Internacional – Investigação, Práticas e Contextos em Educação, 3, 2014, Leiria. Leiria: ESECS-IPL, 2014, p.137-144.

BRASIL. Ministério da Educação. Governo Federal. Base Nacional Curricular Comum: BNCC-APRESENTAÇÃO. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/. Acesso em: 11 de set. 2016.

KARNAL, Leandro. A tal da Criatividade. In: Conversas com um jovem professor. São Paulo: Contexto, 2015, 43-57.

VIEIRA, C. N. M., & MAIA, M. V. M. Criatividade docente: Winnicott e a construção de subjetividades. In: Revista Subjetividades, Fortaleza, v.16, nº1, p.64-77, abril, 2016.

WOODS, Peter. Aspectos sociais da criatividade do professor. In: NÓVOA, António (Org.). Profissão professor. Porto: Porto Editora, 1995.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2595-4792