PRAÇA XV COMO ESPAÇO DE APRENDIZAGEM INTERDISCIPLINAR ACERCA DA MEMÓRIA DO TRÁFICO E DA ESCRAVIDÃO

Mariana Vieira Brito, Letícia dos Santos Ferreira

Resumo


O presente artigo possui como objetivo compartilhar práticas pedagógicas interdisciplinares (Geografia e História) realizadas ao longo do ano de 2019 no Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET), Unidade Maria da Graça, voltada para as questões raciais e para o ensino decolonial. Nesse intuito, foi realizada uma saída de campo, para a região da Praça XV de Novembro. Neste trabalho apresentamos as experiências vivenciadas nesse que foi um dos principais portos de desembarque de cativos nas Américas. Tendo em vista ampliar os conhecimentos e sensibilizar os alunos acerca da presença negra no coração da cidade do Rio de Janeiro.

Palavras-chave


Praça XV Interdisciplinaridade e Educaçã o Étnico Racial e Paisagem Carioca.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33025/ceb.v6i1.3214

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-2879 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.