DCNEIS E EXPRESSÃO CORPORAL: REFLEXÕES SOBRE NOVOS FAZERES PEDAGÓGICOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Nayara de Oliveira Nunes, Heloisa Josiele Santos Carreiro

Resumo


O presente artigo tem o objetivo de analisar as contribuições das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil – DCNEI (BRASIL, 2009) no que diz respeito às Práticas Pedagógicas, com enfoque em seus eixos norteadores, sendo estes as interações e brincadeiras, para a expressão corporal das crianças. O texto aprofunda reflexões sobre o 9º artigo das DCNEI, “Práticas Pedagógicas da Educação Infantil”, que desdobra, também, questões voltadas para o desenvolvimento da expressão corporal. O artigo em questão parte da defesa de que as Diretrizes trazem contribuições importantes que provocam um novo olhar às questões pedagógicas da Educação Infantil, inclusive percebendo que a educação dos corpos da pequena infância precisa de cuidados por parte dos profissionais que atuam nesse segmento educativo. Com isso, há a defesa de que o trabalho educacional favoreça o desenvolvimento integral das crianças nas seguintes dimensões: brincar, cuidar e educar, através do trabalho com diferentes linguagens. Esse estudo revela que é necessário um fazer pedagógico que respeite as crianças enquanto sujeitos de direitos, a fim de que possamos olhar para elas com o devido respeito, entendendo que aquele corpo que se encontra na Educação Infantil possui histórias e que precisa não somente de cuidados físicos, mas também de cuidados afetivos e de incentivos exploratórios que o ajudem no conhecimento de si, do outro e do mundo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33025/ceb.v5i2.2769

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-2879 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.