Considerações sobre a influência do capital cultural e o (in)sucesso escolar nas obras Os Herdeiros (1964) e A Reprodução (1970)

Vergas Vitória Andrade da Silva, Douglas Leandro Correa Abreu, Aldus Artur Brito Santos

Resumo


Este artigo investigará as relações entre práticas culturais e desempenho escolar. Com base no conceito de capital cultural, buscaremos compreender a influência dos elementos culturais exteriores à escolarização no rendimento estudantil. O objetivo é entender as razões do (in)sucesso escolar e suas relações com a distribuição desigual de capital cultural. Nossa intenção, portanto, é averiguar em que medida esse modelo teórico pesa na compreensão do desempenho estudantil. Partindo dessas demandas, levantamos o seguinte problema de pesquisa: qual a influência do capital cultural na explicação das desigualdades escolares? Para dar conta dessa questão, investimos na produção de um ensaio teórico de (re)visão com perspectiva qualitativa. Centramos nosso estudo em duas obras que consideramos “pilares”, rela­cionadas ao campo educacional e que, segundo nosso ponto de vista, fundam as principais abordagens contemporâneas da sociologia da educação. Nosso propósito é (re)visitar as reflexões teóricas das obras Os herdeiros (1964) e A reprodução (1970). Em suma, este trabalho busca explorar o potencial explicativo do conceito de capital cultural, examinando, teoricamente, como ele elucida a questão da desigualdade de desempenho entre estudantes de classes sociais distintas.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33025/rps.v0i25.2698

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Perspectiva Sociológica: A Revista de Professores de Sociologia

ISSN 1983-0076

Departamento de Sociologia - Colégio Pedro II

URL da Homepage: http://www.cp2.g12.br

E-mail: perspectivasociologicacp2@gmail.com