Rancière e Jacotot: Educar para o dissenso contra a desigualdade

Michel Aires de Souza Dias

Resumo


O objetivo do presente texto é refletir sobre o papel da educação na constituição do sujeito autônomo, a partir da obra, O mestre ignorante: cinco lições sobre a emancipação intelectual,de Jacques Rancière.  Acreditamos que na pedagogia para a emancipação intelectual de Joseph Jacotot há elementos para refletirmos sobre a possibilidade de uma educação emancipada, onde os indivíduos sejam educados para o dissenso. Em nosso ponto de vista, preparar para o dissenso deve ser o objetivo de toda educação comprometida com a emancipação dos menos favorecidos e com a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

Palavras-Chave: educação, autonomia, emancipação, dissenso, desigualdade.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33025/rps.v0i22.1963

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Perspectiva Sociológica: A Revista de Professores de Sociologia

ISSN 1983-0076

Departamento de Sociologia - Colégio Pedro II

URL da Homepage: http://www.cp2.g12.br

E-mail: perspectivasociologicacp2@gmail.com