A MANUTENÇÃO DA ORDEM ECONÔMICA ATRAVÉS DA ECONOMIA SOLIDÁRIA E RECICLAGEM: ESTUDO DE CASO DA COOPERATIVA DE MARÍLIA

Marcela Andresa Semeghini Pereira

Resumo


Neste trabalho abordou-se o conceito e características da Economia Solidária representada por fundações e, principalmente, cooperativas. Esta é uma economia humanizadora, de desenvolvimento sustentável, socialmente justo e voltado para a satisfação racional (consumo racional) das necessidades de cada um e de todos os cidadãos seguindo um caminho intergeracional de desenvolvimento sustentável na qualidade de vida. Esta análise é necessária, pois, através dela verificar-se-à se, na Cooperativa de Marília – Cotracil, estão presentes as características desta economia e se os cooperados vivem de forma digna. A vida digna, preconizada na Constituição Federal de 1988, é possível em um mundo sustentável, esta é a consequência de um complexo padrão de organização que apresenta cinco características básicas: interdependência, reciclagem, parceria, flexibilidade e diversidade. Uma dessas iniciativas é a reciclagem, ou seja, reutilização de materiais que seriam descartados. A Cooperativa Cidade Limpa de Marília realiza a Reciclagem de Lixo, cujos objetivos são: humanizar o trabalho dos catadores, retirando-os das ruas e levando-os para barracões com infra-estrutura adequada para seleção e preparo do material reciclável destinado à comercialização direta. Concluiu-se que, para efetivação destes objetivos deve-se incentivar a participação de todos no desenvolvimento regional sustentável, entendendo como a formação de redes sociais pode fortalecer o capital social de uma comunidade, criando vínculos efetivos entre indivíduos e grupos, respeitando o meio ambiente e a diversidade cultural, com melhoria de qualidade de vida para todos, dentro de um contexto econômico equilibrado e com crescente coesão social. Também, constatou-se que a economia solidária é importante para a realização dos princípios fundantes da economia brasileira, preconizados no artigo 170 da Magna Carta. Para sustentação da pesquisa, utilizou-se do método fenomenológico e qualitativo.


PALAVRAS-CHAVE: Dignidade; Economia Solidária; Reciclagem; Sustentabilidade.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33025/rps.v0i14.1408

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Perspectiva Sociológica: A Revista de Professores de Sociologia

ISSN 1983-0076

Departamento de Sociologia - Colégio Pedro II

URL da Homepage: http://www.cp2.g12.br

E-mail: perspectivasociologicacp2@gmail.com